Esperantina - PI, segunda-feira, 10 de maio de 2021

Polícia Civil de Luzilândia recupera vários celulares roubados e restitui aos proprietários

Por Clenilton Gomes em 29/11/2018 às 08:16

A Delegacia de Polícia Civil da cidade de Luzilândia neste mês de novembro recuperou 12 aparelhos de celulares que foram tomados  por meios de furtos e assaltos. Na tarde desta quarta-feira 28/11, o delegado Fábio Behringer efetuou a devolução dos aparelhos aos respectivos donos, à entrega  foi feita através de comprovação  “Nota Fiscal”, entre os aparelhos; modelos como A8, Moto G4, L8, J7, J5 e outros aparelhos voltaram para as mãos de quem pagou pelo bem. A recuperação foi realizada através de uma operação da PCPI, sendo que alguns aparelhos foram encontrados nas cidades de Tutói-MA, Joca Marques, Madeiro, Parnaíba, em Luzilândia e também no estado do Ceará.

Segundo  informação da polícia, todos os receptadores responderam pela aquisição dos celulares provenientes de crimes.” Nós efetuamos a entrega desses aparelhos aos seus donos, são aparelhos furtados ao longo dos últimos meses, já realizamos outras entregas este ano, esse operação foi desencadeada somente neste mês de novembro. Fazemos aqui um apelo a população luzilandense, para que não venha comprar aparelhos, sem notas fiscais, eletroeletrônicos e celulares  com preços abaixo do valor de mercado, que não venham com isso alimentar  o mundo do crime, sem contar que, com essas práticas, você poderá está respondendo criminalmente pela prática de receptação”. Disse o delegado.

Já os proprietários que tiveram seus bens recuperados agradeceram a atuação da Polícia.

 

PCPI – DP DE LUZILÂNDIA

A Polícia Civil do Piauí, por meio da Delegacia de Luzilândia, realizou, nesta quarta-feira (28/11), a devolução de 12 (doze) telefones celulares recuperados pela equipe dessa delegacia no mês de novembro deste ano.

A Delegacia de Luzilândia informa que os aparelhos foram furtados ou roubados e recuperados por policiais da unidade, que conseguiram localizá-los em diversas cidades, totalizando mais de R$ 9.000,00 devolvidos aos cidadãos luzilandenses.

Importante mencionar que as pessoas que estavam de posse dos objetos foram autuadas pela prática do crime de receptação e responderão criminalmente, conforme determina a lei. Diante disso, é muito importante que as pessoas fiquem atentas e desconfiem de aparelhos celulares ou qualquer outro item que esteja sendo vendido sem nota fiscal e por preços bem abaixo daqueles praticados no mercado, uma vez que quem compra produtos dessa natureza pode incidir no crime.

Por fim, orientamos a população que é fundamental que a vítima compareça imediatamente à Delegacia a fim de registrar o Boletim de Ocorrência contendo todas as informações necessárias e o número do IMEI do aparelho.

FONTE: PORTAL RIO PARNAÍBA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *