Esperantina - PI, quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Juíza decreta preventiva de acusado de assassinar irmão em Barras

Por Clenilton Gomes em 13/08/2019 às 09:33

A juíza Melissa de Vasconcelos Lima Pessoa, da Vara Criminal da Comarca de Barras, converteu para preventiva a prisão de Carlos Braga Mendes, acusado de assassinar seu próprio irmão José Braga Mendes com um tiro no peito. A decisão foi dada nesta segunda-feira (12).

Nos autos, a magistrada considerou que existem provas e indícios suficientes da materialidade do crime que constam em depoimentos de testemunhas. “Com efeito, há efetiva prova da materialidade do delito e indícios suficientes de autoria delitiva sobre o autuado, consistentes nos depoimentos tomados pela autoridade policial, especialmente do condutor e da testemunha do flagrante”, destacou.

Ainda na decisão, a juíza Melissa Vasconcelos entendeu que é necessária a prisão preventiva do acusado, devido a gravidade do crime que foi cometido contra seu próprio irmão por motivo fútil.

“Isso por conta da gravidade concreta do crime praticado, que foi singularmente acentuada, pois praticado contra o próprio irmão e, pelo que consta, na presença ou, ao menos, na residência de seus genitores, por motivo fútil e com uso de meio que dificultou a defesa da vítima, o que evidencia a periculosidade do autuado e sua nocividade ao meio social”, analisou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *